Conheça os besouros do Brasil

Voltar
5 de março de 2013 | Sem Comentários

Besouros do BrasilTambém popularmente conhecidos como “escaravelhos”, os besouros são insetos que pertencem à ordem Coleóptera.

A própria palavra “Coleóptera” já contém em si uma boa definição desses insetos: koleos (estojo) e pteron (asas), englobando duas conhecidas e importantes características desses animais: élitros, asas anteriores rígidas, de função protetora, exatamente igual a um “estojo”, e delicadas asas posteriores.

A Coleóptera também é uma importante ordem, visto que contém o maior número de espécies dentre todos os seres vivos de todo o planeta, em torno de 350 mil.

JoaninhaDe todos os representantes dos besouros, os mais conhecidos talvez sejam as “joaninhas”, os besouros gorgulhos, os besouros-rinocerontes e os vaga-lumes.

Outra importante característica da ordem dos coleópteros é sua grande capacidade de adaptação e sobrevivência, pois são encontrados em praticamente quase todos os habitats da Terra.

Um fator negativo referente aos besouros é que, em sua maioria, são fitófagos, ou seja, alimentam-se de matérias vegetais. Esse fator acaba tornando alguns besouros como pragas de culturas, causando diversos prejuízos ao setor agrícola em todo o mundo.

No Brasil são encontrados diversos besouros, principalmente na Amazônia. Abaixo alguns dos besouros brasileiros:

Besouro-da-figueira: Pertencente à família dos cerambicídeos, possuem em torno de 7 cm de comprimento, e a coloração varia de preto nas partes inferiores à vermelho e cinza na região da cabeça. Nos machos dessa espécie, destacam-se as grandes patas anteriores, cujo tamanho pode chegar ao dobro do tamanho do corpo.

Besouro-da-figueira

Besouro-Hércules (Dynastes hercules): É reconhecidamente um dos maiores besouros do mundo, chegando a atingir 17 cm de comprimento, perdendo em comprimento apenas para o Macrodontia cervicornis e o amazônico Titanus giganteus. Seu habitat se estende por bosques das regiões tropicais da América do Sul.

Besouro-Hércules

Cerambicídeo-gigante (Titanus giganteus): É reconhecidamente o maior dentre todos os besouros, sendo, inclusive, uma das maiores espécies de insetos de todo o mundo. Seu habitat natural compreende florestas tropicais sul-americanas, em especial na região norte do Brasil.

Cerambicídeo-gigante

Macrodontia cervicornis: Maior representante do gênero Macrodontia, é considerada também como a segunda maior espécie de besouros do mundo, chegando a 17 cm de comprimento (considerando suas mandíbulas), atrás somente do Titanus giganteus. O Macrodontia cervicornis pode ser facilmente encontrado em diversas florestas tropicais, em especial as do Brasil.

Macrodontia cervicornis

Compartilhe com seus amigos este conteúdo

Comentários:

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nenhum comentário ainda.